20 de mar de 2016

Sagrada Arte - Mabon - Equinócio de Outono

Saudações a todos os seguidores da Sagrada Arte!

Hoje celebramos o Sabbat Mabon aqui no Hemisfério Sul.

Para mim é uma época de lembranças e introspecção, é um tempo em que posso cultivar algumas fagulhas de luz e deixar cair ao chão o que não me serve mais.

Vamos refletir:

Do Outono anterior até este início de Outono, o que mudou em ti?

Tente se lembrar das pessoas que surgiram em sua vida, das pessoas que por algum motivo desconhecido resolveram parar de cultivar amizade com você. Pense no que tens hoje e não utiliza mais e se pergunte: É necessário eu continuar fazendo isso? Será que não é hora de mudar, de passar adiante objetos desnecessários que estão parados em casa? Será que já está na hora de fazer uma reforma íntima?
Deixar hábitos para trás! Hábitos e atitudes que não agregam nada.

Nesta época a inspiração vem a tona!

A luz de uma vela traz o simbolismo da esperança que precisamos para prosseguir.

As folhas secas simbolizam o que precisamos deixar partir para que as novas folhas possam nascer forte e firmes!

A maçã simboliza a juventude, e a compartilhamos com alegria mostrando a importância de dividir para que a prosperidade seja multiplicada!

Que neste Outono possamos nos recolher e fazer com que algo mude dentro de nós, para que a luz mantenha-se acesa enquanto as tempestades perdurar.

Deixo abaixo um pequeno Ritual que pode ser usado neste Equinócio.


Ritual para Equinócio de Outono

Material: Vela (s) na(s) cor (es) , verde, amarelo e marrom.
Maçã, leite com mel ( ou vinho) e bolo.
Folhas secas, feixes de trigo, cornucópias, sementes.
Incenso de sua preferência: Mirra, benjoin, salvia.
Flores brancas.
Caldeirão com ervas e sementes.

Faça o círculo de proteção como de costume.
Erga o altar na direção que sua intuição lhe disser.

Decore com os itens acima mencionados de sua prefência.
Acenda a vela, agradecendo por tudo que aconteceu até hoje. Sinta-se grato pelas conquistas, pelo aprendizado. O incenso purificará e recarregará todo o ambiente, agradeça aos elementais do leste e as Deidades presentes no ritual.
Coloque uma música alegre dançante, comemore por tudo que adquiriu e por tudo que está por vir.
Consagre os alimentos disponíveis e compartilhe com aqueles que estão ao seu redor e ofereça aos seres de luz que estão ali presentes.
 Use a imaginação e a intuição para formas de agradecimento.
Salve Mabon, Salve Modron salve a abundância e a riqueza que temos!

Blessed Be


12 de mar de 2016

Poesia - A Mudança




A Mudança
(Escrito por LunA Daimon)

Um sorriso,
Um bom dia,
Olhos brilhantes,
Coração leve,
Tudo que precisamos.

Como faremos?
O que pensar?
Quais os nossos anseios?
Temos que buscar,
Temos que tentar,

E se a tristeza insistir?
Precisaremos nos levantar.

Nós que criamos,
Nós que deixamos,
Os sentimentos habitar,
Nossa mente,
Nossa vida,
Nosso coração.

Tente ser a mudança,
Que desejas ver lá fora.
Multiplique a esperança,
De que momentos de paz,
Valem mais a pena,
Do que ficar aí,
Jogada ao chão chorando,
Na mesma.

Acredite criatura!
Tudo é possível,
Basta querer ver,
E fazer acontecer.

Então, e agora?
Agora olhe para frente,
Vamos nos mexer!
De uma forma diferente,
Vamos nos mexer.

Pense no melhor,
Dê o seu melhor,
Mas e o piór?
Deixe-o lá trás.
Pois o piór,
Não existirá mais,
Se você ser a mudança,
Hoje!
Simbora!

Receba em seu Email os novos Posts publicados aqui

Postagens Mais Procuradas