2 de nov de 2011

Versos e Reversos

Versos e Reversos


Ha versos e reversos
De espíritos inquietos
Com lágrimas nos olhos
Prestes a derramar

Suas vidas arrancadas
Por mãos ensanguentadas
Nos cantos abandonados
Ou jogados no proprio lar

Hoje perambulam
Sem corpos pelas ruas
Tocando aqueles
Que podem se comunicar

Com o que restou
De seus corpos translúcidos
Vagueiam como leve brisa
Vem e voltam
Como as águas do mar

Buscando a vingança
Ou alimentando a esperança
De algum dia encontrar
A paz perdida.

Versos e reversos
Riscados e alterados
Sonhos embaralhados
Espíritos a clamar
Pela paz perdida.

Um comentário:

  1. como semrpre Luna, vc encanta com seus belos poemas, sempre irei te admirar...

    Carpe Nocten

    ResponderExcluir

Seguidores

Receba em seu Email os novos Posts publicados aqui

Postagens Mais Procuradas