23 de jun de 2009

Simplicidade


SIMPLICIDADE
( LunA Daimon - 23.06.2009)


Paisagens estão a passar
A flauta doce começou a entoar
Sons de paz
O final de uma batalha
Muitas lutas cheias de cortes
Raiva e Espadas
Mais afiadas que a morte

O Sol está indo dormir
A primeira estrela no céu começa a surgir
Veja estamos aqui
Mais uma noite para dormir
Mais uma luta bem sucedida
Muitos perderam a esperança na vida
Muitos querem partir

Enquanto poucos apreciam a simplicidade
De poder andar, caminhar, escolher
Sorrir, brincar, sonhar e fazer acontecer
Apreciar as águas que os céus derramam
As chamas de uma fogueira luminosa
As folhas que caem nestas estações
Sentir o perfume de uma simples rosa

Tudo passa despercebido
Paisagens, vivências, sonhos
Tudo foi esquecido
Perdido nas vozes que murmuram
"Estou sem tempo, sem coragem
Sem vontade
Ocupado demais com meu emprego
Ocupado demais, em desespero".

Ocupado
Sem tempo
Morrendo
Por dentro
Deixando passar
Belas imagens
Deixando de ouvir
Lindas canções
Deixando de ler
Ajudas
Deixando de viver
Emoções
Simplesmente deixando de sentir
A intensidade que reside na simplicidade
Da Vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba em seu Email os novos Posts publicados aqui

Postagens Mais Procuradas