1 de jun de 2009

Lágrimas na Escuridão

Lágrimas na Escuridão
( LunA Daimon  01.06.2009 )


A estrelas estão caindo
Em chamas de fúria
Minha mente começa a gritar
Pare, pare!
Antes que meu mundo
Não tenha um final feliz
As páginas rasgaram
As árvores secaram
Os olhos se encheram
De lágrimas na escuridão
Me abrace
Esteja comigo
Preciso de seu ombro amigo
Pois o frio que reside em mim
Está fazendo meu coração parar
As pessoas estão a se afastar
Ao ver que aqui dentro
Não está restando mais nada
As vozes querem me depreciar
Estou imobilizada pela angústia
Aprisionada pelo silêncio e pela raiva
Eu só queria estar em paz
Apenas hoje
Fecho meus olhos, esqueço quem sou
Apenas hoje
Fecho meus olhos, encontro você
Apenas hoje
Fecho meus olhos e tenho a certeza
Que neste meu mundo escuro, estou em paz
Lágrimas na escuridão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores

Receba em seu Email os novos Posts publicados aqui

Postagens Mais Procuradas