quinta-feira, 20 de junho de 2019

Inverno - Roda do Ano Sul 2019

E amanha dia 21 de Junho Inicia o Festival de Inverno.
Época de recolhimento, reflexões, guardar forças para enfrentar a escuridão.
Sempre procuro meditar sobre as forças que adquirimos ao longo do ano, todas as conquistas, tantas batalhas e mais uma enfrentaremos adiante.

Época que precisamos nos interiorizar e nos aquecermos de gentilezas e esperança.

Então deixo aqui minha benção para este Yule:

Que possamos iluminar as Alma na escuridão.
Que possamos acender a chama da esperança, a cada pessoa que encontrarmos.
Que nosso abraço seja acolhedor.
Que nossos olhos vislumbre realizações e amor.
Que nossas palavras sejam doces,
Como o mais precioso vinho.
Que a terra nos traga a força necessária para iniciar esta jornada,
Que o vento nos forneça grandes inspirações,
Que a água nos equilibre após as tormentas da vida,
E que o fogo nos purifique e nos conduza a sabedoria plena.
AWEN!

Desejo a todos um Feliz Yule para quem segue a roda Sul.

Carpe Noctem.

sexta-feira, 31 de maio de 2019

Resgate de Si ( Poesia)



Resgate de si
(LunA Daìmon)

Quem sou eu,
Neste mundo,
 Cheio de corpos sem alma?
Como estou?
A caminhar por restos abstratos,
Dúvidas, saudades e confusões.

Não grite,
Mesmo assim posso te escutar.
Silencie esses murmúrios.
Nem tudo o que dizem é real.
Mundo doentio, abismal.

Mãos estendidas, coração entorpecido,
Por lágrimas dos antigos.
Transmutação.
Iluminação.
Meu caminho.
Solidão incalculável.
Prossiga,
Caminhe pela escuridão,
Segure minha mão.
Lua Prateada.

domingo, 21 de abril de 2019

Quietude

QUIETUDE
( 21.04.2019 - LunA Daimon)

Amanheceu novamente,
Ao abrir os olhos, mil pensamentos.
Preciso fazer isso, aquilo e aquele outro.
Um pequeno halo de luz surge na janela.
Uma faísca de esperança brilha distante.
Hora de parar tudo por um instante.

Respiro profundamente e me concentro nisso.
Mais um longo dia está prestes a começar.
Devemos buscar motivação em pequenas coisas,
Acreditar que hoje será um dia incrível.
Para que possamos voltar a sonhar grandiosamente,
Primeiro precisamos aprender a agradecer,
As pequenas coisas, os pequenos instantes ,
Que se mostram a nossa frente, todos os dias.

Uma mente barulhenta, gritante constante,
Não consegue ver a gloriosa benção que ali está.
Portanto, aquiete a sua mente,
Nem que for por 2 minutos,
E desfrute da beleza que existe e coexiste,
Nesta longa jornada,
Chamada Vida.




domingo, 14 de abril de 2019

Repentino - Poesia




Repentino
( by LunA Daìmon)

A tempestade cessou,
De repente.
Os olhos se abriram,
Após séculos.
Tudo estava diferente.
O que aconteceu?
Onde estou?
Para onde vou?

Os ventos mostram a direção,
As estrelas a iluminam.
Algo novo,
Despertar,
Irei correr,.
Quero voar!
Alguém segure minhas mãos,
Não sei onde vou parar.
Algo irá acontecer,
Repentino.

Carpe Noctem.

Receba em seu Email os novos Posts publicados aqui

Postagens Mais Procuradas

Meu 2° Livro

Meu  2° Livro
Versos Negros Alma Branca é um livro de Poesias Góticas para todos que apreciam esta bela arte. Basta clicar na imagem acima para conhecer sobre o livro e efetuar o cadastro no site e compra-lo.

Seguidores